terça-feira, 15 de outubro de 2013

O PROFESSOR


Professores do CENE Mal. Rondon  -entrega de diplomas anos 70
foto: postada por Marilúcia R. Caixe no facebook

"O professor disserta sobre ponto difícil do programa.
Um aluno dorme,
Cansado das canseiras desta vida.
O professor vai sacudi-lo?
Vai repreendê-lo?
Não.
O professor baixa a voz,
Com medo de acordá-lo."
(Carlos Drummond de Andrade)


Ele entra, olha...
Alguns o percebem, outros riem;
outros ainda cochilam...

Ele cumprimenta, fala, pede... 
Alguns ouvem, alguns retribuem os cumprimentos com o olhar;
poucos atendem...

E com muita paciência,
sem perdê-la e sem perceber,
mesmo com a indiferença,
mesmo com as adversidades da vida, 

sua postura, sua educação, sua maturidade, sua maneira de olhar,
seu jeito respeitoso de compreender seus alunos e suas carências,
vão transmitindo em silêncio, e de forma natural, 
os valores universais que só o exemplo ensina.  


Cerimônia entrega de diplomas no CENE Mal. Rondon - anos 70
postada por Áureo no facebook


CLIQUE NA SETA PARA ASSISTIR
 "To sir with love" - Lulu - cena final do filme*

To Sir With Love (Black/London)

Those school girl days
Of telling tales
And biting nails are gone
But in my mind
I know they will still live on and on
But how do you thank someone
Who has taken you from crayons to perfume
It isn't easy, but I'll try

If you wanted the sky I'd write across the sky in letters
That would soar a thousand feet high
To Sir, with love

The time has come
For closing books
And long last looks must end
And as I leave
I know that I am leaving my best friend
A friend who taught me right from wrong
And weak from strong
That's hard to learn
What, what can I give you in return?

If you wanted the moon I'd try to make a star
But I would rather you let me give my heart
To Sir, with love
Ao Mestre, Com Carinho

Aqueles dias de estudante
De contar historias
E de roer unhas, se foram
Mas em minha mente
Sei que sobreviverão para sempre, sempre
Mas como vc pode agradecer alguém
Que te tirou dos lápis de cera para o perfume
Não é fácil, mas eu vou tentar

Se você quisesse o céu, eu escreveria sobre o céu com letras
Que planariam a mil pés de altura
Ao Mestre, com carinho

Chegou a hora
De fechar os livros
E os olhares demorados devem acabar
E enquanto eu os deixo
Eu saberei que estou deixando meu melhor amigo
Um amigo que me ensinou o certo do errado
E o fraco do forte
É bastante para aprender
O que, o que eu posso lhe dar em troca?

Se você quisesse a lua eu tentaria fazer uma estrela
Mas eu gostaria que você deixasse lhe dar meu coração
Ao Mestre, com carinho


_____________________
* "To Sir, with love" (Ao mestre, com carinho) - Reino Unido/1967 - Dir. James Clavell.

 (Profª Therezinha Deise e seus alunos - Grupo Escolar de Guará)

3 comentários:

  1. Querido primo
    Gostei muito desse texto "O professor". Como não tem autoria, suponho que seja seu. Estou certa? Também já sou sua seguidora. Adorei o nome do blog e o visitarei sempre. Beijos a todos. Estela

    ResponderExcluir
  2. Obrigado, Estela, pela visita, pela mensagem, e por passar a ser seguidora do "Ipê Amarelo". O texto inicial é meu sim. "Ao mestre, com carinho", logo abaixo, é a versão da letra inteira da música que coloco no vídeo (onde toca somente parte dela), e que foi tema do filme com o mesmo título (escrita por Black/London; fez sucesso na voz da contora Lulu). Grande abraço.

    ResponderExcluir
  3. Imagens que aconteceram, que ficam, que marcam e que nos enchem de saudades. Importante, Elias, é resgatá-las com amor. Parabéns pelo texto e este filme é de tirar o fôlego, caro amigo.

    ResponderExcluir